Edit

fenapestalozzi 

Centro Histórico do Movimento Pestalozziano Profª Sarah Couto Cesar

95 anos de história do movimento Pestalozziano no Brasil.

Seja bem-vindo (a)!

O Centro Histórico do Movimento Pestalozziano Professora Sarah Couto Cesar foi criado em comemoração aos 95 anos do Movimento Pestalozziano no Brasil, homenageando a Professora Sarah Couto Cesar, que dá nome ao Centro Histórico.

Quem foi Sarah Couto Cesar

A professora Sarah Couto Cesar, nasceu em 10 de abril de 1925. Foi uma das mais importantes militantes da Educação Especial no Brasil. Psicóloga, Pedagoga e Mestra em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, foi aluna e estagiária da Professora Helena Antipoff, a quem sempre chamava de Mestra.

Assista o nosso vídeo!

Centro Histórico Sarah Cesar

Homenageados

Johann Pestalozzi

Professor

Tiago Würth

Pedagogo 

Helena Antipoff

Psicóloga

Lizair Guarino

Advogada e Administradora

Odylo Costa Filho

Jornalista

Sarah Couto Cesar

Professora

Acervo

Centro Histórico

Entre os itens presentes no acervo, encontra-se a máscara mortuária e o busto em bronze de Johann Heinrich Pestalozzi. Também conta com documentos, livros, fotos, medalhas troféus, peças de vestuário e itens pessoas da época em que o ideal de Pestalozzi chegava ao Brasil.

Edição Especial da Revista em comemoração aos 50 anos da Federação Nacional de Associações Pestalozzi – Fenapestalozzi.

Busto de bronze de Johann Heinrich Pestalozzi.

Máscara Mortuária de Johann Heinrich Pestalozzi, uma das únicas duas existentes no mundo.

Broches e pins que pertenceram a professora Sarah Couto Cesar.

Manequim com roupa usada pela professora Sarah Couto Ceaar durante o XV Congresso Nacional das Associações Pestalozzi.

Texto sobre o Movimento Pestalozziano escrito pela professora Sarah Couto Cesar de próprio punho.

Manequim com roupa usada pela professora Sarah Couto Ceaar durante o XV Congresso Nacional das Associações Pestalozzi.

Medalhas dos Jogos Paradesportivos das Associações Pestalozzi.

Depoimentos

Vejam o que dizem do nosso Centro Histórico

Preservar e valorizar a história do Movimento Pestalozziano no Brasil, é manter viva a sua identidade. Trata-se de um ato de avivamento da memória, que contribui para o resgate de raízes e para a construção de uma formação cultural.
Carminha Agostini
O Centro Histórico do Movimento Pestalozziano Professora Sarah Couto Cesar é a concretização de um sonho, por ela idealizado e agora materializado.
Ester Pacheco
É uma alegria imensa ver mais essa realização do Movimento Pestalozziano no Brasil. Esse acervo é riquíssimo em história e lembranças.
Edna Alegro
O Centro Histórico ficou muito lindo! É muito interessante poder fazer esse mergulho na história do Movimento Pestalozziano no Brasil.
Luciana Siqueira

"A vida educa. Mas a vida que educa não é uma questão de palavras, e sim de ação. É atividade."

Johann Heinrich Pestalozzi